Pesquisar neste blog

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

13 Na Medida do Meu Possível


Eu tentarei
Farei tudo o que estiver ao meu alcance
Lutarei
Irei o mais longe que puder

Na medida do meu possível

Sim,
O Meu
Porque é o único que conheço
Pelo menos assim suponho

Meu possível

Ele é do tamanho de...
Bem, não sei de que tamanho é
Só me resta jogar as fichas
E contá-las no final

Apenas sei que é meu

Almejo que seja o bastante
Assim o será
Será?
Veremos.

Na medida do possível...

Angelus.

13 comentários:

  1. Na medida do possível faremos ações refletiremos as reações ser sensível e acreditar que só Deus faz o impossível muito bom seu poema e tema!

    ResponderExcluir
  2. Nosso possível não tem tamanho,pq geralmente fazemos o possível e o impossível em tudo!
    Bom te ver!!!
    Bjca

    ResponderExcluir
  3. Perfeito, a vida é assim mesmo, medos, duvidas, inseguranças, mas as ações pensadas e refletidas nos levam aonde precisamos chegar.

    Muito bom, gostos de textos realistas

    ResponderExcluir
  4. Que pena, que como o teu poema ai em cima, eu so posso vir aqui na medida do possivél...vc lembra qual era o poema que vc escreveu uma vez, que eu disse gostar tanto que iria publicar lá na minha pagina ?

    ResponderExcluir
  5. Olá. Seu poema descreve um pouco da situação que eu, e acredito muitos, estejam vivendo, tentando fazer o que podem na medida do possível e com a dúvida se, o nosso possível seja o suficiente.

    http://escritoslisergicos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Que lindo, Angelus... belas palavras!!! Caramba... realmente, que na medida do possível, possamos superar nossas espectativas sobre nós mesmos, não!? Só nós podemos fazer isso... ninguém mais!!

    Adorei... que bom ter vc de volta!

    bjks JoicySorciere => Blog Umas e outras...

    ResponderExcluir
  7. Lindo Angelus! Acho que na medida do possível serve para quase tudo na vida.

    Gostei muito!

    Lu
    http://www.lucianasantarita.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Angelus,
    muito lindo teu poema! Bravíssimo!

    Na medida do que somos e podemos, assim nos fizemos lugares e coisas, além espaço e tempo.

    Grande abraço com admiração!

    ResponderExcluir
  9. E quando se quer algo...o possível passa a ser quase o impossível!!

    Muito bom!

    []s

    ResponderExcluir
  10. Linda poesia Angelus, pra sermos felizes tem que ser na medida certa. Angelus gostaria de fazer uma parceria entre blogs com você, inclusive já levei o seu link para a página de blogs parceiros para o meu blog.
    Obrigada pela sua visita beijos.

    ResponderExcluir
  11. Angelus, na beleza de suas palavras nesse texto encantador está inserido a maneira bem comparativa do que somos. Nós somos capazes do possível e a superação humana é capaz de nos fazer chegar a barreira do impossível e assim vencer obstáculos. Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  12. Quando cremos de corpo e alma, tudo torna-se possível, principalmente dentro de nós. Alimentar a nossa vida de belezas e vontades já é um grande estímulo de luta!
    Lindo, como sempre esteve!

    ResponderExcluir

Seja muito bem vindo! Sua opinião pessoal sobre o post é muito importante.